miércoles, 5 de octubre de 2016

FUTEBOL DO BRASIL * PARTE 2

FÚTEBOL DO BRASIL – PARTE 2      
ANTIGOS CAMPOS DE FUTEBOL DO BRASIL (Fonte: cacellain.com.br)


VÁRZEA DO CARMO PRIMEIRO CAMPO DE FUTEBOL DO BRASIL
1895

                                              VARZEA DO BOM RETIRO EM SAO PAULO 1889
Várzea do Carmo (São Paulo-SP)
O local da primeira partida da história do futebol brasileiro, em 14 de abril de 1895. Atualmente, o local às margens do rio Tamanduateí é ocupado por prédios comerciais do bairro do Brás.


 Colégio São Luís (Itú-SP)
No prédio onde hoje funciona um quartel do exército, existia o Colégio São Luís. O local é considerado um dos primeiros a trazer o futebol para o Brasil, ainda na década de 1880. O esporte ganhou os seus principais traços no local em 1887.
Parque Antarctica (São Paulo-SP)
O atual terreno do Allianz Parque recebeu a primeira partida oficial da história do futebol brasileiro. Mandante no campo da Companhia Antarctica Paulista, o Germânia foi derrotado pelo Mackenzie, na rodada inicial do Paulistão de 1902.
Associação Atlética das Palmeiras (São Paulo-SP)
O Estádio da Floresta era um dos principais no início do futebol paulista. Era a casa inicial da A. A. das Palmeiras, que daria origem ao São Paulo da Floresta. Atualmente, o antigo estádio pertence ao Clube de Regatas Tietê.
Chácara Dulley (São Paulo-SP)
Antes do início do Campeonato Paulista, o campo era o principal palco de jogos de futebol no país. No local eram realizados os treinamentos do São Paulo Athletic Club, sob a batuta de Charles Miller. Atualmente, no terreno funciona a Fatec da Avenida Tiradentes, no bairro do Bom Retiro.
Estádio do Velódromo (São Paulo-SP)
Onde hoje passa a rua Nestor Pestana ficava o Estádio do Velódromo, considerado o primeiro do Brasil. Inaugurado em 1892 para o ciclismo, foi adaptado ao futebol em 1901 e tinha capacidade para 5 mil espectadores.
Campo da Vila de Paranapiacaba (Ribeirão Pires-SP)
No caminho da estrada de ferro que ligava São Paulo ao porto de Santos, o campo é considerado o mais antigo do Brasil, surgido em 1894.
Fábrica Bangu (Bangu-RJ)
Local onde o escocês Thomas Donohoe bateu bola com os funcionários da Fábrica Bangu em 1894. A empresa também deu origem ao Bangu Atlético Clube, em 1904, sétimo clube mais antigo do país ainda em atividade e um dos primeiros clubes brasileiros a aceitar negros.
Marina da Glória (Rio de Janeiro-RJ)
No terreno onde hoje funciona o Hotel Glória, aconteceu aquele que é considerado um dos primeiros bate-bolas relatados no Brasil, em 1874. Marinheiros ingleses realizaram a pelada no local, mas levaram a bola consigo.
Rua Paissandu (Rua Paissandu)
Em frente à residência real de Princesa Isabel, os tripulantes do navio Crimeia realizaram uma pelada em 1874. O mesmo endereço abrigou o primeiro estádio do Flamengo, a partir de 1915.

CAMPO DA RUA PAISSANDU

Foot-ball Club Ponta-Grossense (Ponta Grossa-PR)
No campo próximo ao cemitério municipal de Ponta Grossa se disputou o primeiro jogo do futebol paranaense, em 1909 – desde o início da década, há registros de “bate-bolas” em Curitiba. O clube local recebeu o embrião Coritiba e venceu por 1 a 0, gol de Charles Wright, considerado o introdutor do futebol no estado.
Gymnasio Santa Catharina (Florianópolis-SC)
A introdução do futebol em Santa Catarina se deu a partir do colégio, em 1906. O local permaneceu como único centro que praticava a modalidade no estado até 1911
Largo de Nazaré (Belém-PA)
O local no centro de Belém tem seus relatos de bate-bolas em 1890, antes mesmo da chegada de Charles Miller. Os rachões eram organizados por imigrantes ingleses que viviam na capital paraense.

O ESTADIO MAIS ANTIGO DO BRASIL
LARANJEIRAS LOCAL DE MUITOS CLASSICOS 

O Estádio de Laranjeiras, anteriormente chamado Estádio Álvaro Chaves, entra para o RankBrasil por ser o mais antigo do país, com construção iniciada em 17 de outubro de 1902. Na época, a Assembléia Geral do Fluminense Football Club decidiu alugar uma chácara, na Rua Guanabara, hoje Pinheiro Machado, fronteira com o antigo Palácio Isabel, residência oficial do presidente da República, no Rio de Janeiro. Foram necessários dois meses para que a área pudesse ser nivelada e transformada em um gramado de futebol. Depois disto, os responsáveis pelo projeto compraram um burro que, com as patas enluvadas para não danificar o campo, puxou durante anos uma máquina comprada na Inglaterra, para aparar a grama. Em 1905, Eduardo Guinle, dono do terreno, mandou construir a primeira arquibancada do Fluminense e os sócios levantaram ali a nova sede. No ano de 1915, o então presidente do clube, Cunha Freire, ampliou a arquibancada, com setor destinado aos sócios, além de levantar uma nova e luxuosa sede. Após essa reforma, o local passou a abrigar cinco mil pessoas. O estádio recordista foi oficialmente inaugurado em 11 de maio de 1919, com a partida entre Brasil e Chile. Na época, tinha capacidade para 18 mil espectadores. Três anos mais tarde passou por modificações e sua capacidade foi aumentada para 25 mil pessoas. Além de o Fluminense Football Club ser o mais antigo entre os grandes clubes brasileiros a praticar o futebol, desde 21 de julho de 1902, tem a Mais antiga escola de futebol. Foi no Estádio de Laranjeiras que a Seleção Brasileira aprendeu a ser um pouco do que é. Em jogos da seleção, algumas vezes o público excedeu a lotação oficial do estádio. A Seleção Brasileira jogou 18 jogos nesta sua primeira casa, ganhando 13 e empatando cinco. Terreno desapropriado No final da década de 1950, a administração carioca entrou em conflito com o clube por causa das obras de duplicação da Rua Pinheiro Machado. Em 1961, após dois anos de tentativas de negociação entre a prefeitura do antigo Distrito Federal e posteriormente com o governo do então Estado da Guanabara, o Fluminense teve parte de seu terreno desapropriado.Pela desapropriação de uma área de 1.084,95m², recebeu a quantia em dinheiro de Cr$ 49.703.000,00 e mais as áreas restante dos terrenos da esquina das ruas Álvaro Chaves Pinheiro Machado, no valor de Cr$ 31.355.000,00. Ao Estádio de Laranjeiras foi concedido o nome de Manoel Schwartz, vitorioso ex-presidente do Fluminense na década de 1980. Atualmente, a capacidade do estádio é de oito mil torcedores e o campo mede 72m por 105m. A redução aconteceu devido à desapropriação e ao necessário crescimento do bairro de Laranjeiras.

CLUBES DO BRASIL
OS MAIS ANTIGOS (Fonte: cacellain.com.br)
Associação Atlética Mackenzie College (São Paulo-SP)
Os universitários do Mackenzie fundaram o primeiro clube brasileiro para a prática do futebol, em 1898. Entre os pioneiros estava Belfort Duarte, jogador histórico e também líder do America-RJ. A equipe encerrou suas atividades em 1923.

MACKENZIE COLLEGE 1898

AA MACKENZIE COLLEGE


Associação Atlética Ponte Preta (Campinas-SP)
O segundo clube mais antigo ainda em atividade e o primeiro de maneira ininterrupta, a Ponte Preta surgiu em 1900. Também foi um dos primeiros times brasileiros a escalar jogadores negros.
Sport Club Internacional (São Paulo-SP)
Formado em 1899 por dissidentes do Germânia, que não concordavam com as referências alemãs diante da presença de outros imigrantes no clube. Disputou a primeira edição do Paulista, ao lado de SPAC, Germânia, Mackenzie e Paulistano.

INTERNACIONAL X GERMANIA 1899

São Paulo Athletic Club (São Paulo-SP)
O primeiro clube a jogar futebol no Brasil. Fundado em 1888, principalmente para a prática de críquete, era a equipe de Charles Miller e venceu as três primeiras edições do Campeonato Paulista. Seus treinos e primeiros amistosos eram realizados na Chácara Dulley, no Bom Retiro. Atualmente, segue em atividades amadoras poliesportivas.

SAO PAULO ATHLETIC CAMPEAO PAULISTA AO VENCER A O GERMANIA EM 1911

Club Athletico Paulistano (São Paulo-SP)
Fundado em 1900, tornou-se o maior campeão paulista durante o amadorismo, superado pelo Corinthians apenas em 1939. Com a camisa da equipe que Friedenreich viveu os seus melhores momentos.

1925 PAULISTANO CAMPEAO PAULISTA AO DERROTAR O INTER

PAULISTA CAMPEAO PAULISTANO AO DERROTAR O PAULISTA DE JUNDIAI EM 1927


Sport Club Germânia (São Paulo-SP)
O atual Esporte Clube Pinheiros  surgiu em 1899 e é o segundo clube fundado para a prática de futebol, a partir dos esforços de Hans Nobling – que atuava em um clube homônimo na Alemanha. Naquele mesmo ano, desafiou o Mackenzie para a primeira partida entre clubes da história do país, um empate por 0 a 0.

GERMANIA 1904 

Americano Sport Club (Santos-SP)
Fundado em 1903, se tornou um dos primeiros times de fora da capital a disputar o Paulista, em 1907, ao lado do conterrâneo Internacional. O clube de Santos acabaria se mudando a São Paulo na década seguinte. Foi o primeiro brasileiro a vencer um time estrangeiro, em 1911, e o primeiro a excursionar pelo exterior, em 1913.
Paissandú Atlético Clube (Rio de Janeiro)
Fundado em 1872, o antigo Rio Cricket foi o primeiro clube a praticar o futebol no Rio de Janeiro. O principal pioneiro do esporte na capital foi Oscar Cox, filho de ingleses que estudou na Suíça e introduziu efetivamente as regras. Antes de sua chegada, alguns amistosos entre imigrantes já eram realizados no clube.
Rio Cricket Associação Atlética (Niterói-RJ)
A filial de Niterói do Rio Cricket carioca se tornou uma dissidência da matriz e, em 1901, disputou em sua sede aquela que é considerada a primeira partida da história do futebol carioca. Também contou com a participação de Oscar Cox.
Fluminense Football Club (Rio de Janeiro-RJ)
Em 1902, Oscar Cox também ajudou a fundar o Fluminense, primeiro “clube de futebol” do Brasil a registrar suas atividades no nome. Também o primeiro dos 12 grandes a praticar a modalidade (Flamengo e Vasco já existiam, mas apenas como clubes de regatas). O Estádio das Laranjeiras abrigou o primeiro jogo da Seleção.
Botafogo de Futebol e Regatas (Rio de Janeiro-RJ)
O Botafogo é o oitavo clube de futebol mais antigo do país ainda em atividade, iniciando o seu time de futebol em 1904. Logo criou o clássico mais antigo em disputa, contra o Fluminense. O Estádio de General Severiano abrigou jogos dos combinados que originariam a seleção brasileira.
Coritiba Foot-ball Club (Curitiba-PR)
Após o amistoso em Ponta Grossa, os curitibanos que participaram da partida resolveram criar o paranaense mais antigo ainda em atividade e o primeiro da capital. Em outubro de 1909, um grupo de descendentes de alemães fundou o Coritiba.
Brazilian Foot-Ball Club (Florianópolis-SC)
Em junho de 1911, o primeiro clube de futebol catarinense além do ginásio: o Brazilian. Nos meses seguintes, também nasceram o Barriga Verde Foot Ball Club e o Clube Sportivo Florianópolis, na capital, além do Itajahyense Football Clube, em Itajaí. Time mais antigo do estado na ativa, o Hercilio Luz foi criado em 1918.
Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense (Porto Alegre-RS)
Após uma série de amistosos do Rio Grande em Porto Alegre, em 1903, surgiu o clube mais antigo de Porto Alegre ainda em atividade. No mesmo dia, também foi fundado o Fussball Club Porto Alegre, já extinto. O Tricolor é o sexto time mais antigo do país que segue na ativa
Sport Club Rio Grande (Rio Grande-RS)
O clube mais antigo do Brasil em atividade (mas não de maneira contínua) surgiu em 19 de julho de 1900, na cidade de Rio Grande. Reuniu brasileiros, alemães e ingleses, sob a liderança de Johannes Minnemann.
Esporte Clube 14 de Julho (Santana do Livramento-RS)
A influência uruguaia permitiu que o 14 de Julho se tornasse o segundo clube gaúcho (e quarto no Brasil) ainda em atividade a disputar a sua primeira partida de futebol, em 1902.
Uruguaiana (Uruguaiana-RS)
A cidade fronteiriça, assim como Santana do Livramento, possui indícios de partidas de futebol desde o início da década de 1890. Os eventos ocorreram sob influência de uruguaios e argentinos, já iniciados no esporte.
Sport Club Foot-Ball (Belo Horizonte-MG)
O primeiro clube de futebol de Minas Gerais surgiu em 1904, fundado por Victor Serpa. Os estudantes que formavam a equipe também ajudaram a realizar a primeira edição do Campeonato de Belo Horizonte. Foi o primeiro adversário do Atlético Mineiro, em 1908.
Clube Atlético Mineiro (Belo Horizonte-MG)
Fundado por um grupo de estudantes e de proletários, o Atlético é o clube mineiro mais antigo em atividade. Surgiu em 1908, mas só entrou em campo pela primeira vez no ano seguinte.
Villa Nova Atlético Clube (Nova Lima-MG)
Segundo clube mais antigo de Minas Gerais ainda em atividade, logo depois do Atlético Mineiro, compensou sendo o primeiro a entrar em campo, em 1908. Teve sua origem entre mineradores e operários ingleses.
Vitória Futebol Clube (Vitória-ES)
Inspirados pelo Fluminense, um grupo de estudantes capixabas que voltou de férias à Vitória criou o primeiro time de futebol do Espírito Santo. O clube, no entanto, não tinha sede e se constituía a partir da iniciativa de seus membros.
Sport Club Bahiano (Salvador-BA)
No antigo Campo da Pólvora, aconteceu o primeiro jogo da história do futebol baiano, organizado por Zuza Ferreira. Já em 1903, funcionários do comércio fundaram o Sport Club Bahiano, participante da primeira edição do estadual, dois anos depois.
Sport Club Victória (Salvador-BA)
O Vitória surgiu como um clube de críquete em 1899, iniciando suas atividades no futebol apenas dois anos depois. Assim, segue como o time de futebol mais antigo do Nordeste e o terceiro do Brasil que mantém-se atuante.
Sport Club Lux (Aracajú-SE)
Os primeiros relatos de jogos de futebol em Aracaju datam de 1907. Dois anos depois, um grupo de estudantes criou o Sport Club Lux, depois renomeado para Club de Football Sergipano, equipe pioneira no estado.
Sport Club Penedense (Penedo-AL)
O futebol já tinha surgido de maneira esporádica em Maceió, mas o primeiro clube perene de Alagoas é o Penedense. A equipe surgiu em 1909, um ano depois do extinto Alagoano Football Club, da capital.
Sport Club do Recife (Recife-PE)
O Sport segue como o clube mais antigo de Pernambuco ainda em atividade, disputando o seu primeiro jogo em 1905. Os primeiros relatos do esporte no estado vêm de 1903, em peladas realizadas por imigrantes ingleses que viviam em Recife. Embora tenha sido fundado em 1901, o Náutico só iniciou o futebol oito anos depois.
Club de Foot Ball Parahyba (João Pessoa-PB)
Os primeiros registros do futebol na Paraíba vêm de 1908, quando estudantes trouxeram a bola e as regras do Rio de Janeiro. A iniciativa impulsionou a criação do Parahyba, presente na primeira partida do estado
Sport Club Natalense (Natal-RN)
A primeira bola de futebol chegou em Natal pelas mãos de dois irmãos que estudavam na Inglaterra. A partir disso, o Natalense surgiu em 1904. A maior organização do futebol portiguar, contudo, se deu em 1915, ano de fundação do ABC, do Alecrim e do América.
Football Club (Fortaleza-CE)
Há divergências sobre as origens do futebol cearense, entre a passagem de um clube inglês em 1903 e a chegada da primeira bola, com José Silveira, no ano seguinte. No primeiro dia de 1904, no entanto, apareceu o primeiro time de futebol do Ceará, o Football Club.
Parnahyba Sport Club (Parnaíba-PI)
Clube mais antigo do Piauí que segue em atividade, o Parnahyba foi criado em 1913. Inspirado nos estádios ingleses, o Estádio Petrônio Portela foi inaugurado em 1920 e era conhecido como Casa Inglesa.
Fabril Athletic Club (São Luis-MA)
Nhozinho Santos, que hoje dá nome um dos principais estádios do Maranhão, levou o futebol ao estado em 1905. Após estudar na Inglaterra, trouxe a novidade aos funcionários da fábrica têxtil onde trabalhava. Assim, criou-se o Fabril, que disputou o primeiro jogo em 1907.
Racing Club (Manaus-AM)
Fundado em 1906, o Racing foi idealizado por José Conduru Pacheco, maranhense que teve contato com o futebol em Manaus. Meses depois surgiu o Manáos Sport Club, criado por ingleses e principal rival do Racing.
Xapury Sport Club (Xarupi-AC)
Os primeiros registros de futebol no Acre vêm de 1912, na cidade de Xapuri. Por lá, surgiram os dois primeiros clubes, o Xapury Sport Club e o Commercial Football Club, em 1915. Quatro anos depois, a capital Rio Branco teria as suas equipes pioneiras – o Acreano e o Rio Branco.
Cuiabá Futebol Clube (Cuiabá-MT)
O futebol se iniciou no antigo estado de Mato Grosso em 1905. Entre 1911 e 1915, surgiram as equipes pioneiras da região: Americano, Paulistano, Royal, Internacional e Cuiabá Futebol Clube. O primeiro jogo, no terreno que hoje abriga a Câmara Municipal de Cuiabá, em 1913, com vitória do Cuiabá sobre o Internaciona
Goyaz Football Club (Goiânia-GO)
As primeiras notícias do futebol em Goiás surgem em 1907, a partir da iniciativa de estudantes. Dois anos depois, fundou-se a primeira equipe da história do estado: o Goyaz Football Club. Além disso, o esporte também se desenvolvia em colégios de cidades do interior, como Catalão.

CURIOSO JOGO: BRANCOS VS PRETOS

FUTEBOL E REVOLUÇAO SOCIAL

CHARLES WILIAM MILLER PRECURSOR DO FUTEBOL BRASILEIRO


CAMPEONATOS NO BRASIL
Estrutura
Existem duas pirâmides simultâneas no futebol brasileiro: a nacional e a estadual. As competições nacionais são organizadas pela CBF, enquanto as estaduais pela respectiva federação do estado (por exemplo: o Campeonato Paulista é organizado pela Federação Paulista de Futebol).
Campeonato Brasileiro
Campeonato Brasileiro (também chamado de Brasileirão) foi criado em 1958 com o nome de Taça Brasil, mas apenas em 1971 recebeu a designação atual. Atualmente está separado em quatro divisões: Série ASérie BSérie C e Série D. A Série A, B e C têm 20 equipes cada e a Série D tem 40. A Série A dá vagas à Copa Libertadores para os quatro times mais bem colocados.[1]
Campeonatos estaduais
Os campeonatos estaduais são competições entre clubes do mesmo estado. A quantidade de divisões varia entre duas, três e quatro, dependendo da federação, assim como o número de clubes em cada uma e quantos são os promovidos e rebaixados (por exemplo: em São Paulo são 20 clubes na primeira divisão, no Rio de Janeiro 16 e em Rondônia apenas 8). Dão vaga à Série D do Brasileirão para os times mais bem colocados que já não disputem outras divisões do certame[2] e também para a Copa do Brasil (o número de vagas para cada varia pelo ranking da CBF São os campeonatos de futebol mais antigos do país.[3]
Copas estaduais
Também jogada entre times do mesmo estado. Os campeões podem ter direito a vaga na Copa do Brasil. São disputadas por equipes que não estão em nenhum nível do campeonato brasileiro, servindo como opção de manter os times ocupados durante o segundo semestre. O número de equipes participantes e a fórmula fica a cargo das federações estaduais.
Copa do Brasil
Participam da Copa do Brasil os vencedores e melhores colocados dos campeonatos estaduais do ano anterior, as equipes com maior colocação no ranking da CBF e os melhores times do campeonato brasileiro que já tenham sido eliminados da Libertadores. A competição é disputada entre março e novembro. O número de clubes qualificados por estado varia de um a três, excluindo os que já estão classificados de acordo com o ranking. O campeão recebe uma vaga para a Copa Libertadores e para a Copa do Brasil do ano seguinte.
Copas regionais
Ver também: Copa do Nordeste e Copa Verde
São copas disputadas por equipes de dois ou mais estados (como o extinto Torneio Rio-São Paulo) ou de determinadas regiões do Brasil. Atualmente existem duas de maior importância: a Copa Verde, entre equipes do nortecentro-oeste (exceto Goiás) e do Espírito Santo, e a Copa do Nordeste entre equipes do nordeste. Os campeões de ambas ganham vagas à Copa Sul-Americana.[4] [5]
Sistema atual das ligas nacionais
Nível Liga/Divisão
Campeonatos Nacionais
1          Campeonato Brasileiro Série A   20 clubes      4 últimos caem
2          Campeonato Brasileiro Série B   20 clubes   4 primeiros sobem, 4 últimos caem
3          Campeonato Brasileiro Série C20 clubes  Semifinalistas sobem, 2 últimos de cada grupo caem.
4          Campeonato Brasileiro Série D  40 clubes  Semifinalistas sobem, sem rebaixamento

Campeonatos Estaduais
GREN-NAL (Goleiro sem Luvas)


8 | 4   Minas Gerais - São Paulo
1914 PRIMEIRO JOGO DA SELEÇAO DO BRASIL VS EXÉTER (INGLATERRA)

LEONIDAS DA SILVA, ARTHUR FRIEDENREICH E PELÉ CELEBRIDADES DO FUTEBOL BRASILEIRO 


No hay comentarios:

Publicar un comentario en la entrada